“FORTALEÇAM-SE”

(Pr. Aguiar)
“…fortaleçam-se no Senhor e no seu forte poder…”(Ef 6:10).

A vida cristã requer a postura de pessoas fortes e corajosas para poder enfrentar todo tipo de oposição e continuar perseverando na fé.

O vitorioso não é o que crê apenas. Vitorioso é aquele que persevera crendo. E para perseverar é preciso ser forte.

O forte, não é caracterizado apenas por aquele que está sempre vencendo, que nunca perde uma batalha. Forte é aquele que nunca desiste. Pode até cair, ou ser derrotado momentaneamente, mas resiste até o fim no seu propósito, ou na defesa dos seus princípios.

O primeiro passo para se fortalecer, é não aceitar a condição de fraqueza. “Diga o fraco, eu sou forte”.(Jl 3:10). Isso não é uma questão de positivismo ou repetição de frases prontas apenas. É uma questão de não medir a sua força baseado tão somente nos resultados. É uma questão de conhecer melhor a sua posição espiritual em Cristo.

PRINCIPAIS FONTES DO FORTALECIMENTO

1. NOS FORTALECEMOS NO SENHOR.“Mas o povo que conhece o seu Deus se tornará forte e fará proezas” (Dn 11:32). “O Senhor é a força da minha vida” (Sl 27:1).

Esse fortalecimento em Deus vem à medida que passamos mais tempo com Ele. A nossa intimidade com Deus nos permite conhecer melhor os seus atributos: o seu amor, sua santidade, sua justiça, seu poder…

Não é suficiente ouvir falar de Deus. É preciso procurar andar com ele. Andar com ele é permitir que a sua palavra tenha autoridade e controle na nossa vida.

Como uma criança que se sente cheia de coragem e de força diante do perigo, desde que esteja bem perto do pai. Ela avalia a gravidade do perigo com a força e a coragem do seu pai, não com a força e coragem dela.

Mas se o pai estiver a um quilômetro de distancia dela, de nada vai valer ela saber da força e coragem que o seu pai tem. Não é o conhecimento do pai que dá coragem e força, é a presença dele.

Assim também somos nós em relação a Deus. Sabemos que Deus é a nossa força, mas se não tivermos a percepção que Ele está bem perto de nós, o medo vai continuar nos assustando da mesma forma.

Não basta saber que Deus é a nossa proteção. É preciso ter certeza que estamos debaixo da proteção dele. “Aquele que HABITA no esconderijo do Altíssimo e descansa à SOMBRA do Todo Poderoso pode dizer ao Senhor: Tu és o meu refúgio e a minha fortaleza…” (Sl 91:1,2).

2. NOS FORTALECEMOS NO SEU PODER.Deus não nos deu o espírito de medo, mas de poder, de amor e de moderação. (II Tm 1:7). “O Espírito Santo nos ajuda na nossa fraqueza.” (Rm 8:26).

Poder é força, poder é lei. O poder do Espírito de Deus na nossa vida, nos livra de outras leis que tentam dominar o nosso pensamento e nos enfraquecem. (Rm 8:2).

Mas o fortalecimento do Espírito vem depois do esvaziamento do nosso ego. Jesus venceu toda resistência da carne para depois ser cheio do poder do Espírito. Na tentação, a Bíblia afirma que Jesus foi levado para o deserto CHEIO DO ESPÍRITO. (Lc 4:1). Ali, Ele se esvaziou de toda a sua vontade, e por isso voltou do deserto no PODER do Espírito (14).

E ainda é bom lembrar, que o Espírito Santo nos fortalece se permitirmos que a Palavra de Cristo habite em nós. O Espírito é quem dá poder e autoridade à Palavra que está no nosso coração e na nossa boca.

3. NOS FORTALECEMOS NA GRAÇA DE DEUS.Tu, pois, meu filho, fortifica-te na graça que há em Cristo Jesus”. (II Tm 2:1).

Se fortalecer na graça, significa pensar que, mesmo que você venha cair ou venha fracassar em alguma coisa, Deus não vai te condenar pelo seu fracasso mas ele vai te erguer e te encorajar a seguir em frente.

Se fortalecer na graça de Deus também significa pensar que a minha força e a minha garra para lutar não dependem somente das minhas qualidades ou dos meus esforços. Dependem muito mais da misericórdia de Deus sobre mim.

O nosso esforço para nos fortalecer é válido e necessário. Mas é sempre bom lembrar que apesar de todo nosso esforço e disciplina para nos fortalecer, se não fosse a graça, a misericórdia do Senhor, de nada adiantaria.

Nós nos fortalecemos, quando nos identificamos com Cristo, na sua morte e na sua ressurreição. Isso é se fortalecer na graça de Deus.

4. NOS FORTALECEMOS NA FÉ.“Esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé.” (I Jo 5:4).

Nos fortalecemos em Deus quando a nossa fé está fundamentada numa esperança viva revelada na Palavra de Deus.

A força da nossa fé não está fundamentada apenas na veracidade da Palavra. Mas principalmente na confiança que temos no Deus que falou, num Deus que não pode mentir. (Tt 1;2). Um Deus que cumpre fielmente tudo o que promete. (Josué 21:45; 23:14). Uma fé que nos fortalece dando glórias a Deus em meio às dificuldades. (Rm 8: 18-21).

Lembrando que, fé, na definição bíblica, é a CERTEZA das coisas que NÃO SE VEEM….Portanto, a fé nos fortalece porque deixamos de prestar atenção nas coisas que estamos vendo ou sentindo e começamos a nos concentrar nas promessas que estamos aguardando.

Não é o que eu vejo ou o que eu sinto que me enfraquece, mas é o que eu creio, que me fortalece.

CONCLUSÃO:

A nossa força cresce gradativamente. “Como são felizes os que em ti encontram sua força,…prosseguem o caminho de força em força.” (Sl 84:5,7).

A cada experiência pela qual passamos, serve de exercício para o nosso fortalecimento. Por isso não podemos nos mostrar fracos nem medrosos diante de cada teste. “Se você vacila no dia da dificuldade, como será limitada a sua força!” (Pv 24:10).

A nossa força não cresce à medida que nós oramos, lemos a Palavra ou nos santificamos apenas. Isso é a base do crescimento. A nossa força cresce à medida que exercitamos a fé cristã.

Só criamos resistência e acrescentamos músculos, quando é exigido de nós algo além da nossa capacidade. Se você quer exercitar a sua fé, não fuja dos obstáculos. Se você se sentir desanimado diante dos problemas, lembre-se – o obstáculo existe para te dar forças.

Fortaleçam-se no Senhor e no seu forte poder.” Você pode se fortalecer em Deus e em tudo aquilo que ele tem para te oferecer. Amém!

Compartilhe com seus amigos.