Cri, por isso falei!

É natural do ser humano olhar mais para o que está dando errado, do que para o que está dando certo.

Nossa tarefa como filhos de Deus é olhar para o que já deu certo, pois tudo foi consumado por Cristo na cruz do calvário.

Por isso nossos olhos devem estar no que não se vê, naquilo que é eterno. A eternidade já começou para nós. Temos o espírito que nos comunica todas as verdades soberanas de Deus.

2 Cor 4:13-18

Precisamos viver nossas vidas baseados nesta verdade e neste espírito de fé.

Se não sabemos o que temos e o que somos em Cristo, não vamos poder dizer pela fé e se não falarmos o que estamos crendo e sabendo ficamos refém das circunstancias e situações de nossas vidas.

Fomos chamados para sermos reis e sacerdotes. A igreja sabe viver como sacerdotes, mas ainda precisamos aprender como exercer a autoridade que o Rei dos reis nos deu para governar.

Como Igreja somos o segundo corpo de Cristo na terra, o primeiro foi Jesus. Assim como Cristo teve legalidade para pagar pelos pecados por um corpo, assim também agora temos a legalidade Dele para nos movermos debaixo da autoridade que Ele nos deu.

E isto acontece por este espírito de fé. Cri por isto falei.

Nossas palavras precisam conter expressões de fé que confiam na verdade da palavra de Deus e que traz á realidade aquilo que ainda não existe.

A fé é uma convicção de fatos, uma certeza daquilo que existe, mesmo que ainda não estejamos vendo.

Deus falou de 4 maneiras desde a criação.

1 – Deus mesmo falou ao nada e se viu luz.

2 – Deus falou através dos profetas.

3– Deus falou por meio do Filho.

4 – Deus fala agora por nosso meio.

E quando Deus está falando por nosso meio, esta palavra que habita em nós, vai nos processando e nos transformando segundo a imagem de Cristo.

É o próprio Cristo que fala através de nós, na medida que vamos sabendo o que Ele quer, qual sua vontade para nossa vida, família, trabalho, estudos, ministério, e qual sua vontade para Sua Igreja.

Se não buscamos saber, vamos falar coisas da nossa própria cabeça, isto não é se mover neste espírito de fé. Não estamos falando de positivismo, e nem triunfalismo. Falamos em liberar uma palavra que está baseada na vontade de Deus e que agora com a autoridade que temos por estarmos em Cristo, deve operar nesta terra.

Só o céu pode abençoar a terra. Só o Espirito de Deus pode trazer vida a morte e luz nas trevas e isto acontece por meio da Sua palavra.

E onde está sua palavra? Em nós, habitando, e governando nosso espírito.

Vamos tomar a atitude de liberar as palavras que já são verdades eternas, e não coloque seus olhos no que se vê, pois é passageiro.

Fomos chamados para governar pela palavra que é o próprio Cristo.

Cremos, por isso falamos.